Livro sobre 40 anos do SNS – “Resgate da Dignidade” apresentado como obra de referência no setor da Saúde

Livro sobre 40 anos do SNS – “Resgate da Dignidade” apresentado como obra de referência no setor da Saúde

A Culturgest foi o palco, no passado dia 17 de junho, da apresentação da obra “Resgate da Dignidade – A declaração Universal dos Direitos Humanos e os 40 anos do SNS”, um livro que mereceu o contributo de 13 figuras de relevo do setor da saúde, entre as quais Lopes Martins, ex-Presidente da APHP, e Oscar Gaspar, presidente da APHP.

Estiveram presentes os ex-Ministros da Saúde Paulo Macedo, Leal da Costa, Ana Jorge e Maria de Belém Roseira, para além de múltiplas personalidades desta área.

Coordenado pelo professor Martins Nunes, o livro aborda os direitos humanos e o SNS, mas também o setor privado, pelas palavras de Lopes Martins, e as PPP, temática que contou com o testemunho de Oscar Gaspar.

No contexto das comemorações dos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos e dos 40 anos do SNS, Martins Nunes frisou que se conseguiu «reunir à volta deste projeto um grupo de autores de grande mérito e reconhecimento», que, segundo o antigo secretário de Estado da Saúde, são «efetivamente protagonistas do desenvolvimento do SNS e da aplicação da Declaração Universal dos Direitos Humanos».

Com fins solidários, “Resgate da Dignidade” tem os seus direitos de comercialização cedidos à Associação Dignitude, responsável pelo Programa Abem, uma rede solidária de medicamento para pessoas desfavorecidas.

Na sessão pública, o livro, com prefácio do antigo ministro da Justiça Laborinho Lúcio, foi o pretexto para um debate construtivo em torno das questões mais prementes e estruturantes da Saúde em Portugal.

Partilhe

Deixe uma resposta