7 de Abril | 2017

Hospitalização privada reforça posição no Sistema Português de Saúde 

Por ocasião do Dia Mundial da Saúde – 7 de abril – o INE apresenta a publicação anual das Estatísticas da Saúde relativas ao período 2005-2015, que permite concluir que, pela primeira vez na história do Sistema Português de Saúde, os hospitais com gestão privada (115) representam a maioria das unidades de saúde com internamento. 

De acordo com o destaque do INE, os factos mais relevantes do sistema português de saúde nos últimos anos foram: 

i)  A tendência de aumento do número de hospitais privados (de 91 em 2005, para 111 em 2015). Note-se, aliás, que dos 225 hospitais existentes em Portugal 115 têm gestão privada (111 são hospitais privados e 4 são públicos com gestão privada).

ii)  Aumento dos atendimentos nos serviços de urgência dos hospitais privados (+14,5% em relação a 2014);

iii)  Aumento do número de camas disponíveis para internamento nos hospitais privados (mais 880 face a 2014, um aumento de 8,5%);

iv)  A tendência de aumento das consultas médicas na unidade de consulta externa, sobretudo nos hospitais privados (cerca de mais 500 mil consultas do que em 2014, um acréscimo de 9,5%). 

Os dados estatísticos mais recentes demonstram que a hospitalização privada tem uma presença muito significativa no sistema português de saúde e são em número crescente os portugueses que confiam nos hospitais privados para os seus cuidados de saúde. 

Os hospitais privados têm feito um esforço contínuo de investimento em termos de expansão de rede, equipamentos inovadores e reforço da formação e investigação.  

A Associação Portuguesa de Hospitalização Privada tem o gosto de se associar às comemorações do Dia Mundial da Saúde com uma mensagem de reconhecimento e gratidão por todos os profissionais de saúde que, dia-a-dia, põem o seu esforço, saber e competência ao serviço da melhoria da prestação de cuidados de saúde aos portugueses. A APHP saúda, ao mesmo tempo, os hospitais privados pelo dinamismo manifestado.

CONSULTAS EXTERNAS

 

CAMAS DE INTERNAMENTO

 

URGÊNCIAS

Parecer da ERS

Acordo Enfermeiros